Sobras de materiais de construção poderão ser doados à população de baixa renda

Publicado em: 26 de Setembro de 2017.

A Prefeitura de Igaratinga recebeu autorização para criar um sistema único de cadastro que permitirá o encaminhamento das sobras de materiais de construção, oriundos de construtoras e obras particulares, para doação e reaproveitamento pelas famílias de baixa renda.

A matéria foi aprovada pelos vereadores na última reunião da Câmara. O objetivo do projeto de lei é ajudar os menos favorecidos, assim como entidades habitacionais sem fins lucrativos, a construir moradias para uso próprio.

A doação poderá ser de materiais básicos (areia, tijolo, cimento, ferro, grade, etc) até acabamentos (azulejos, lajotas, materiais hidráulicos e elétricos, etc). Caberá aos beneficiados a responsabilidade pelo armazenamento dos mesmos.

Para a realização do cadastro de oferta e procura dos materiais, a Prefeitura disponibilizará um número de telefone ou site que será acionado tanto pelo cidadão que deseja fazer a doação como pelos que necessitam dela.

Caberá à Prefeitura, através dos setores de Desenvolvimento Social e Habitação, a seleção das famílias que irão usufruir dos materiais coletados, utilizando-se critérios socioeconômicos e prioridade aos idosos e famílias com crianças.

O município está autorizado a fazer campanhas publicitárias para incentivar a população e as construtoras a colaborar com esse projeto social.

 

 

 


TAG's: Sobras, materiais, construção, poderão, doados, população, baixa, renda

Inicial | Voltar
Link permanente: